Sudoeste/Octogonal comemora 21 anos com reinauguração do Parcão e atividades para toda a família

Print Friendly, PDF & Email

Celebrações também contaram com vacinação dos pets e serviços à população, como emissão da nova Carteira de Identidade Nacional (CIN)

Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Para celebrar os 21 anos do Sudoeste/Octogonal, da qual faz parte também o Setor de Indústrias Gráficas (SIG), o Governo do Distrito Federal promoveu uma série de atividades no Parque do Bosque, neste sábado (4). O Parcão foi reinaugurado, a Vigilância Ambiental vacinou 100 cães e gatos contra a raiva e a Polícia Civil fez a emissão de Carteiras de Identidade Nacionais (CIN), entre diversas outras ações. Todos os serviços foram oferecidos gratuitamente.

O Parcão foi reformulado e reinaugurado em um novo local do parque que propicia mais conforto para os pets e seus tutores, com mais sombra para os cachorros brincarem. Nesta primeira etapa, cães grandes e pequenos ficarão no mesmo espaço. Mas, em breve, a Administração Regional do Sudoeste/Octogonal irá entregar um espaço para os animais pequenos. A ideia é garantir ainda mais segurança para todos.

O Parcão foi reformulado e reinaugurado em um novo local do parque que propicia mais conforto para os pets e seus tutores, com mais sombra para os cachorros brincarem | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

A jornalista Adriana Nunes, de 45 anos, moradora do Sudoeste, aprovou a novidade. Ela levou os pequenos Beethoven e Betina para aproveitarem o Parcão. “É um momento muito esperado. Antes, não dava para trazer os pets quando chovia. A administração regional arrasou. Aqui é maravilhoso”, afirmou.

Já a estudante Jordana Gomes, de 22 anos, aproveitou para vacinar a cachorrinha Nala, que apesar de apreensiva, ficou bem comportada para receber sua dose contra a raiva. “Achei ótimo ter a vacinação aqui. Quando fiquei sabendo, vim logo. E coincidiu com a data do cartão de vacinação”, comemorou a estudante que também elogiou as celebrações deste sábado. “Está bem legal, bem cheio. O Parcão ficou muito bom. Acho que a Nala vai aproveitar bastante.”

A advogada Elaine Antônia Mazzaro, 55 anos, por sua vez, aproveitou para fazer a nova CIN. “Resolvi aproveitar a oportunidade para renovar a minha identidade. Vi no Instagram da administração e enviei meus dados para o número de WhatsApp que constava lá. Deu tudo certo e foi muito rápido”, elogiou. Moradora do Sudoeste há mais de 20 anos, ela disse que está “muito feliz” com as comemorações. “Eu amo morar aqui”, resume.

O Parcão foi reinaugurado, a Vigilância Ambiental vacinou 100 cães e gatos contra a raiva e a Polícia Civil fez a emissão de Carteiras de Identidade Nacionais (CIN), entre diversas outras ações

A festa também contou com a presença do Batalhão de Cães da Polícia Militar do Distrito Federal (BPCães/PMDF), apresentação do coral Paz e Amor, feira de artesanato, além do que o próprio parque oferece, como parque infantil, quadra de futevôlei e pista de caminhada, entre outros.

Reformas constantes

O administrador regional do Sudoeste/Cruzeiro, Reginaldo Sardinha, celebra os diversos atrativos disponíveis à população. “A RA tem uma atenção especial do governador Ibaneis Rocha. Contamos com Viaduto do Sudoeste e a via que interliga a Octogonal com o Setor Policial Sul entre diversas obras entregues à população”, destaca o administrador. Ele também lembrou que o Parcão da Quadra 104 do Sudoeste assim como o Skate Park da Octogonal “são os melhores do DF”.

Para se ter uma ideia, somente no Viaduto do Sudoeste, inaugurado em outubro do ano passado, o Governo do Distrito Federal investiu R$ 24,6 milhões na execução do elevado que trouxe maior fluidez na Via Estrada Parque Indústrias Gráficas (Epig) e beneficia mais de 25 mil motoristas que circulam pela região todos os dias.

Idealização de Lúcio Costa

A história da região começa na década de 1980, com a idealização do Setor Sudoeste pelo urbanista Lúcio Costa no documento Brasília Revisitada. No mesmo período, foram implantadas as Áreas Octogonais, com oito quadras organizadas em condomínios fechados. Até então, os setores eram parte do Cruzeiro. Tudo mudou em 2003, quando criou-se a Região Administrativa Sudoeste/Octogonal, pela Lei nº 3.153. Em 2019, também foi incluído o Setor de Indústrias Gráficas (SIG).

Repórter Brasília/Agência Brasília

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *