Detran realiza operação contra estacionamento irregular em diversas regiões do DF

Print Friendly, PDF & Email
Foram 465 autuações, 12% delas de desrespeito às vagas para idosos e PCDs
Foto: Divulgação/Detran-DF

Na última segunda-feira (27), as equipes de Policiamento e Fiscalização do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) realizaram uma grande operação para coibir o estacionamento irregular em várias regiões do Distrito Federal. O objetivo da ação é impedir que veículos bloqueiem a circulação de pedestres, ciclistas e outros veículos, além de assegurar o direito de idosos e pessoas com deficiência (PCD) de utilizarem as vagas reservadas para eles.

As regiões escolhidas para a operação foram selecionadas com base no número de flagrantes observados, no alto fluxo de veículos e em denúncias e reclamações feitas na Ouvidoria do Detran-DF. As ações ocorreram em Ceilândia, Guará, Riacho Fundo I e II, Águas Claras, Taguatinga, Asa Sul (Comércio Local Sul – CLSs, SGAS 908 a 915, LBV/ DF Star, Setor Hospitalar Sul – SHS), Asa Norte (Comércio Local Norte-CLNs, Setor Comercial Norte – SCN, Setor de Rádio e TV Norte – SRTVN) e Plano Piloto (Rodoviária Plano Piloto, Conic, Conjunto Nacional, Torre de TV, Via S2, Esplanada dos Ministérios e Anexos da Câmara dos Deputados).
Foto: Divulgação/Detran-DF
O Detran registrou 465 autuações, a maioria delas relacionadas ao estacionamento em locais ou horários proibidos pela sinalização, especialmente em áreas de comércio local, onde o tráfego de outros veículos foi prejudicado. As infrações relacionadas ao desrespeito às vagas de estacionamento para idosos e PCD representaram quase 12% do total.
 “O Detran intensificará as operações de fiscalização em todo o DF, visando evitar que cidadãos tenham seu direito de ir e vir prejudicado por motoristas que estacionam de forma irregular”, destacou o diretor de Policiamento e Fiscalização de Trânsito do Detran-DF, Clever de Farias Silva.
O órgão também incentiva a população a denunciar esses casos pelos canais oficiais da Ouvidoria, através do site participa.df.gov.br ou do telefone 162.
Repórter Brasília/Detran-DF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *