Unidos pelo Rio Grande, caravana em prol dos desabrigados

Print Friendly, PDF & Email
Luciano Zucco com Jair Bolsonaro, em Ribeirão Preto

A caravana em prol dos desabrigados pela catástrofe no Rio Grande do Sul, liderada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro, iniciou a coleta de doações nesta segunda-feira (27), em Ribeirão Preto (SP). O deputado federal Luciano Zucco (PL-RS) está acompanhando os roteiros para coordenar a parte logística de distribuição dos mantimentos. “Em primeiro lugar, agradecer ao povo de Ribeirão Preto que atendeu ao nosso chamamento. São toneladas de amor, carinho e solidariedade que serão destinadas aos municípios em situação de calamidade. Deixo também minha gratidão ao presidente Bolsonaro por fazer de sua agenda de trabalho um motivo para acolher nosso povo tão sofrido”, destacou Zucco.

Ao longo da semana, Bolsonaro e Zucco seguirão pelos seguintes municípios de São Paulo: Rio Claro (28), Campinas (29), Jundiaí (30), São Bernardo (31) e Guarulhos (01). A caravana da solidariedade “Unidos pelo Rio Grande” também passará por outros estados. Em todos os locais haverá pontos de coleta de doações. “Essa é uma tragédia que vai se prolongar por muito tempo. As águas ainda não baixaram em muitos locais e, infelizmente, segue chovendo, impedindo com que a população possa voltar para suas residências. Ou seja, os gaúchos vão seguir precisando do apoio dos brasileiros por muito mais tempo”, explicou o parlamentar.

Segundo o último boletim divulgado pela Defesa Civil do Rio Grande do Sul, 469 municípios foram afetados pelos eventos climáticos. O número de pessoas em abrigos se aproxima de 56 mil. No total, cerca de 580 mil pessoas permanecem desalojadas. Já a população total afetada é de aproximadamente 2,3 milhões de habitantes. Pelos menos 169 mortes foram confirmadas e 56 pessoas seguem desaparecidas. Quase 78 mil pessoas precisaram ser resgatadas. O número de animais que precisaram de resgate é de 12,5 mil.

Repórter Brasília, Edgar Lisboa com Apolos Paz

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *